O que é mercado: guia para entender seu funcionamento

Entenda o que é mercado e como ele influencia a economia. Aprenda sobre seus diferentes tipos, conceitos e características essenciais.
Tayrane
02/01/2024 | 7 min

“O que é mercado?”. Você provavelmente já se fez essa pergunta em algum momento da vida ou de sua carreira profissional, mas será que realmente entende o que ele é, como funciona e qual sua importância para gestão?

O mercado envolve praticamente tudo o que conhecemos, e da maneira que conhecemos. Mesmo que você não saiba, faz parte dele e já contribuiu para o seu desenvolvimento de alguma maneira.

Por isso, a Ploomes preparou este conteúdo para explicar de uma vez por todas o que é mercado, do que ele é feito e porque é tão importante para o mundo em que vivemos.

O que é o mercado?

O mercado é um conceito central na economia e nas ciências sociais. Academicamente, ele pode ser definido como o processo de interação humana de troca voluntária de bens e serviços – que é feita sob condições, como um pagamento. 

O mercado é essencial para a economia mundial, pois permite que os recursos sejam alocados de forma eficiente e que os clientes tenham acesso aos produtos e serviços que desejam, pelo preço que acharem melhor.

Por que é importante entender a definição de mercado?

Entender a definição de mercado é importante por vários motivos. Primeiro, ajuda a compreender o funcionamento da economia. Segundo, permite tomar decisões mais informadas sobre consumo e investimento. Terceiro, facilita o processo de identificar oportunidades de negócios.

Além de conhecer a definição, também é essencial saber que o mercado não é um só. Pelo contrário, ele tem inúmeras divisões, cada uma voltada para um ramo específico de negócios. Por isso, conheça os principais e veja como funcionam:

Tipos de mercado

Os mercados podem ser classificados de várias maneiras. Uma forma comum de fazer isso é por tipo de produto ou serviço negociado. Sendo assim, os principais são:

Mercado de bens de consumo

É onde são negociados bens destinados ao consumo final. Exemplos de bens de consumo são alimentos, roupas, eletrodomésticos e veículos. Eles saem direto da fábrica ou do produtor para o cliente ou um revendedor, funcionando dentro do modelo B2C.

Mercado de serviços

É o mercado responsável por negociar serviços de pessoas para pessoas (C2C), de empresas para clientes (B2C) ou de empresas para empresas (B2B), por exemplo. 

Serviços de saúde, educação, transporte e entretenimento são alguns dos que se enquadram nessa categoria.

Mercado financeiro

É a área do mercado onde são negociados ativos financeiros, como ações, títulos de renda fixa e variável, moedas, entre outras.

Mercado de trabalho

O mercado de trabalho é o maior de todos, já que compreende todas as pessoas que têm um emprego, seja ele de carteira assinada, por contrato, como prestador de serviço, etc. É nele onde são negociados a mão de obra e o tipo de demanda a ser executada.

Outros tipos de mercado relevantes incluem:

  • Mercado de capitais: é o mercado onde são negociados títulos de dívida e ações de empresas;
  • Mercado de commodities: onde são negociados produtos primários, como petróleo, soja e ouro;
  • Mercado internacional: onde são negociadas mercadorias e serviços entre países.

Veja também: Mercado digital: o que é, como entrar e se destacar

Importância do mercado na economia

O mercado, como explicamos anteriormente, desempenha um papel fundamental na economia do Brasil e do mundo. Ele é responsável pela alocação e realocação de recursos, pela geração de riqueza e pelo crescimento econômico dos países e das pessoas.

Veja qual o impacto dele em outras áreas:

Impacto do mercado no crescimento econômico

O mercado impulsiona o crescimento econômico ao promover a inovação e a eficiência. As empresas competem entre si para oferecer produtos e serviços melhores e mais baratos, o que leva a uma melhoria da qualidade de vida e a uma redução dos custos.

Relação entre mercado e concorrência 

A concorrência é um elemento essencial do mercado, por isso ambos têm uma relação bastante estreita e profunda. Ela incentiva as empresas a serem mais eficientes no que fazem e a oferecer produtos e serviços melhores aos consumidores.

Por que isso acontece? Porque em um livre mercado, todos têm o direito de produzir suas próprias mercadorias, ou seja, é a lei da oferta e demanda na sua mais pura essência.

Influência do mercado nas decisões de consumo e investimento

O mercado influencia diretamente as decisões de consumo e investimento de todos os indivíduos. Por mais que tenha quem diga que não se deixa influenciar, a verdade é que os consumidores tomam decisões sobre o que comprar com base em fatores como:

  • Sua renda mensal; 
  • Preferências (gostos pessoais);
  • Para estar por dentro do que é tendência;
  • Por influência de outras pessoas;
  • De acordo com os preços dos produtos. 

Os motivos não param por aí, mas esses citados acima podem ser considerados como os principais. Já no caso dos investidores, eles tomam suas decisões sobre onde investir o dinheiro com base nas taxas de juros, na inflação e nas perspectivas de crescimento econômico.

E o que são todas essas coisas? É isso o que você vai entender abaixo.

Fatores que influenciam o mercado

O mercado não é um ser consciente e que toma suas próprias decisões. Pelo contrário, ele é totalmente influenciado por uma série de fatores internos e externos, incluindo:

  • Economia: a inflação, a taxa de juros, o crescimento econômico e o nível de emprego ou desemprego são alguns dos principais fatores que influenciam o mercado, seja em uma cidade, região, estado, país ou até mesmo no mundo todo;
  • Fatores sociais e culturais: as mudanças nos hábitos de consumo, as tendências de moda e os valores culturais também influenciam o mercado. Perceba que todas as pessoas querem estar por dentro de alguma tendência, para estar de acordo com o que o grupo social delas gosta. É uma questão de aceitação;
  • Questões políticas e legais: as políticas governamentais, como as políticas fiscais e monetárias, influenciam diretamente o mercado. Pode ser que você não faça ideia do que é a Bolsa de Valores, mas pode ter certeza que ela afeta os preços de produtos que você compra no dia a dia.

Desafios e tendências do mercado atual

O mercado sempre enfrenta mudanças de acordo com os desafios e tendências de cada período, e atualmente isso não é diferente. Alguns fatores que você precisa conhecer são:

Globalização e mercado internacional

A globalização está levando a uma maior integração dos mercados entre países. Isso favorece o comércio internacional e abre as portas para um maior índice de importações e exportações.

Tecnologia e transformação digital

A tecnologia está transformando a maneira como as empresas operam e como os consumidores interagem com o mercado. Cada vez mais é comum ver o uso de softwares e outros sistemas que facilitam a maneira de fazer negócios.

Sustentabilidade e responsabilidade social

Os consumidores estão cada vez mais preocupados com questões que envolvem a sustentabilidade e a responsabilidade social das empresas. Por isso, os negócios que não se adequam a essas exigências acabam perdendo credibilidade perante o público.

Saiba como fazer uma pesquisa de mercado para conhecer o seu nicho

O mercado é um conceito complexo e dinâmico. Ele desempenha um papel fundamental na economia e nas ciências sociais, portanto, entendê-lo é essencial para compreender o mundo ao nosso redor e ter as informações necessárias para tomar decisões bem embasadas.

Nada mais útil para conhecer o setor onde a sua empresa está inserida do que fazendo uma pesquisa de mercado. Ela permite investigar seus concorrentes ao mesmo tempo em que conhece mais profundamente seus clientes.

Por conta disso, se você quer ter mais sucesso nos negócios e ganhar o devido destaque em seu nicho de atuação, acesse agora mesmo o conteúdo gratuito que a Ploomes preparou sobre o assunto e aprenda como fazer.

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba novos conteúdos de negócios em primeira mão!

Quer receber novidades sobre vendas, marketing e gestão?

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais práticas de mercado para gerar novos negócios.