Descobrindo as necessidades dos clientes com a Pirâmide de Maslow

Saber o que seu cliente precisa é a base para qualquer ação que sua empresa vá fazer. É essencial conhecer o consumidor e suas necessidades para entregar produtos […]
Blog
27/07/2022 | 6 min
piramide de maslow

Saber o que seu cliente precisa é a base para qualquer ação que sua empresa vá fazer. É essencial conhecer o consumidor e suas necessidades para entregar produtos e serviços de valor.

Descobrir essa necessidade é um passo crucial, mas saber como defini-la é mais importante ainda.

Para isso, vamos te mostrar hoje como usar a Pirâmide de Maslow para identificar e conhecer as necessidades de seus clientes. Com ela você conseguirá direcionar suas estratégias e melhorar seu contato com o público partindo do ponto de vista do que eles precisam.

Sem mais delongas, é hora de saber tudo sobre a Pirâmide de Maslow. Boa leitura!

O que é Pirâmide de Maslow?

Imagine a seguinte situação: você está andando pelos corredores de um mercado e tem em mãos apenas R$10,00 para serem gastos.

Seu objetivo ao ir até a loja era comprar um lanche, já que estava faminto. Sabendo disso, você se depara com a seguinte situação: gastar seu dinheiro comprando um lanche natural e um refrigerante, ou comprar um pacote de sabão em pó, já que lembrou que ele está em falta em sua casa?

Diante dessas opções, e com esse contexto como base, é mais do que esperado que os clientes escolham comprar o lanche e o refrigerante, isso porque naquele momento eles são prioridade.

Repare que no nosso exemplo há duas necessidades coexistindo, a de comprar um lanche para sanar a fome e também de repor o sabão em pó que acabou em sua casa. Entretanto, como a fome é uma questão mais urgente, ela ganha.

Esse é um exemplo bem simples, até porque com fome não se discute. Entretanto, saber qual necessidade seu cliente privilegia em um momento de escolha é essencial para saber como abordá-lo e convencê-lo a consumir.

É exatamente essa função que a Pirâmide de Maslow cumpre em nossas empresas.

Dividida em 5 diferentes níveis, a pirâmide, ou Hierarquia de Maslow, vai funcionar elencando quais são as prioridades de seus consumidores. Para isso, ela usa conceitos básicos de comportamento para definir com precisão cada um de seus patamares.

Desse modo, a Pirâmide nos diz que enquanto os níveis inferiores não estiverem completos, já que representam questões básicas para a sobrevivência, é improvável que consigamos convencer o público a solucionar um patamar mais alto.

Ao conhecer seus clientes, suas necessidades e onde elas se encontram na hierarquia, podemos otimizar as campanhas e direcioná-las a pessoas mais propensas a consumirem. Isso poupa tempo e despesas para as empresa e por isso tenho certeza que vai gostar de conhecer os 5 níveis que vamos detalhar a seguir.

Quais os níveis da Pirâmide de Maslow?

Antes de começarmos com os patamares da hierarquia, vale a pena ressaltar que, apesar de serem muito confiáveis, eles não são infalíveis.

É muito difícil prever o comportamento humano, e por vezes ele foge das regras. Assim, tome o conceito da pirâmide como base para direcionar suas decisões, mas tenha em mente que, vez ou outra, seus clientes podem te surpreender.

pirâmide de maslow necessidades

Pirâmide de Maslow zmotinstitute.com

Fisiológicas

O nível mais básico da Pirâmide de Maslow é o das necessidades fisiológicas.

Ele vai se responsabilizar por suprir tudo o que precisamos para sobreviver. Desse modo, entram aqui questões como alimentação, sono, saúde e até mesmo perpetuação da espécie.

É por esse motivo que empresas do ramo alimentício se localizam nesse nível.

Segurança

A segurança é o patamar responsável por nos manter estáveis, seja financeiramente, emocionalmente e também para manter nossa integridade física.

Tudo que tenha haver com estar ou se sentir seguro se localiza aqui, assim, podemos encontrar nesse ponto da hierarquia negócios que vão desde contadores até mesmo psicólogos.

Sociais

As necessidades sociais são aquelas ligadas aos nossos relacionamentos, sejam eles familiares ou não.

Em nossa vida circulamos por vários grupos sociais, como nossos amigos, colegas de trabalho, parentes e etc.

Por sermos seres naturalmente sociáveis, esse senso de pertencimento é muito importante. Empresas de eventos, por exemplo, estão localizadas nesse patamar, já que promovem essa interação social.

Estima

A necessidade de estima, ainda que esteja ligada a questões sociais, vão olhar para elas  de uma maneira diferente.

Aqui se encontram nossas necessidades de reafirmação, ou seja, de nos sentirmos válidos perante nós mesmos e os outros.

Essa validação pode vir de muitas maneiras, mas para que entenda como a estima se manifesta, saiba que faz parte desse nível as marcas de luxo, por atribuírem um status a seus consumidores.

Realização Pessoal

Por fim, as necessidades de realização pessoal falam por si só e estão totalmente ligadas aos nossos sonhos de vida.

Pense em algo que sempre quis muito fazer, ter ou até mesmo ser, como quando uma criança diz que deseja ser astronauta. São esses sonhos que as necessidades de realização pessoal vão buscar suprir.

E ainda que esse seja um patamar muito ligado com questões profissionais e aos nossos talentos, ele pode ser algo bem mais palpável, como ter um carro próprio.

Desse modo, praticamente todas as empresas podem se posicionar nesse patamar, tudo depende de qual é o desejo de seu cliente. A seguir, vamos te mostrar como identificar isso da melhor maneira para não perder as oportunidades do mercado.

Como usar uma Pirâmide de Maslow na sua empresa?

Não é difícil implementar a Pirâmide de Maslow na sua empresa, basta um pouco de estudo.

Para trazer essa hierarquia para suas decisões, comece entendendo onde sua empresa e seus produtos, ou serviços, se encaixam na pirâmide. Para isso, vamos retomar o exemplo do mercado, mas agora olhando para o lado do negócio.

A maior parte dos produtos oferecidos nesse estabelecimento se reúnem no patamar de necessidades fisiológicas, mas dependendo da intenção de compra dos clientes, eles podem mudar de nível. Um exemplo disso é quando vamos ao mercado comprar itens para fazer uma janta entre amigos. Nessa perspectiva as necessidades dos clientes se encontram no nível de necessidades sociais.

Assim, tenha em mente que para descobrir o real posicionamento de seus produtos é preciso conhecer o cliente a fundo, como com a ajuda de uma persona.

Uma vez que se tem isso estabelecido, podemos pensar em como preencher os níveis inferiores da pirâmide para que os clientes sejam facilmente convencidos de que aquela é uma necessidade a ser suprida naquele momento?

Para um cliente que se encontra no nível social, por exemplo, podemos oferecer um cupom de desconto em sua compra, assim garantimos sua segurança financeira.

Esse é apenas um exemplo simples, e na prática as coisas se tornam um pouco mais complexas.

Para não se desesperar nesse momento, encontre o nível de necessidade de seus consumidores e pense em ao menos uma solução para cada um dos patamares abaixo. Assim terá um bom ponto de partida.

Conclusão

Conhecer o cliente é a chave para ter uma empresa escalável e garantir seu sucesso. 

A Pirâmide de Maslow é uma estratégia mais do que bem vinda para te ajudar nessa jornada, então não perca mais tempo e comece a implementar o que te mostramos aqui.

Antes de ir, apenas não se esqueça de nos contar o que achou do conteúdo. Seu feedback é importante para que possamos sempre melhorar!

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba novos conteúdos de negócios em primeira mão!

Quer receber novidades sobre vendas, marketing e gestão?

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais práticas de mercado para gerar novos negócios.